Renda de amistoso entre Brasil e Zimbábue some

A renda do jogo entre Brasil e Zimbábue, amistoso disputado em Harare, antes da Copa do Mundo da África do Sul, desapareceu. A empresa Kentaro, que organiza os jogos da seleção brasileira, está processando a Federação do Zimbábue e cobrando cerca de R$ 1 milhão. A partida terminou com vitória do Brasil por 3 a 0.

O montante, coletado com a venda de ingressos, nunca foi encontrado nas contas da Federação de Futebol do Zimbábue. O processo da Kentaro corre nos tribunais da Suíça. O escândalo é apenas um dos que afeta a presidente da federação de futebol do país africano, Henrietta Rushwaya. Ela é acusada de desvio de dinheiro para esquemas de apostas.

O caso mais grave é o de usar a seleção do Zimbábue para uma turnê na Ásia com jogadores que não faziam parte da equipe nacional. Na verdade, os atletas eram do time do Monomotapa. Eles foram instruídos a perder pro placares pré-determinados para favorecer máfias de apostadores.

Fonte: O Globo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s