Oposição vence eleições na Costa do Marfim

A Comissão Eleitoral da Costa do Marfim anunciou que o candidato da oposição Alassane Ouattara venceu as eleições presidenciais, mas o Tribunal Constitucional criticou o anúncio.

O correspondente da BBC em Abidjan, John James, diz que haverá uma guerra armada entre as duas facções, com o anúncio dos resultados ainda pouco claros.

Apoiantes do Presidente Laurent Gbagbo tentaram bloquear os resultados, alegando ter existido fraude no norte do país. Zona controlada por antigos rebeldes.

A zona norte é também a região onde Ouattara é mais popular.

Esta eleição deveria unir o país – o maior exportador de cacau do Mundo.

Mas o anúncio do resultado eleitoral tem sido adiado, contribuindo para o aumento da tensão.

Pelo menos quatro pessoas foram mortas esta quarta-feira à noite, num ataque a uma sede de campanha de Ouattara. Incidente que a Amnistia Internacional se apressou a condenar.

O Tribunal Constitucional disse que o incumprimento do prazo (que iria até final de quarta-feira) para o anúncio por parte da Comissão Eleitoral significa que desrespeitou a declaração assinada.

Mas, na mesma altura, o chefe da Comissão Eleitoral, Youssouf Bakayoko, disse que Ouattara havia conquistado 54% dos votos.

Bakayoko divulgou os resultados protegido por uma grande aparato de segurança, num hotel, e não na sede da Comissão.

Fonte: http://www.bbc.co.uk/portugueseafrica/news/story/2010/12/101202_ivoryresultsvc.shtml

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s