Partidos da oposição criticam opções económicas no país

Os partidos da oposição criticaram as opções económicas do Governo durante a sessão solene no Parlamento para marcar o acto central das comemoração do 36º aniversário da independência de Cabo Verde, celebrado terça-feira, noticia hoje (quarta-feira) a LUSA.

António Monteiro, presidente da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID), partido da oposição com dois assentos parlamentares, condenou as políticas governamentais que, no seu entender, colocam em causa um projecto económico viável.

O presidente da UCID considerou que o modelo de desenvolvimento cabo-verdiano sufoca as empresas nacionais, enquanto \”fornece balões de oxigénio a empreendedores e empresas estrangeiras\”, através da isenção de impostos, de taxas e de outras obrigações, de forma a proporcionar o investimento estrangeiro que, a seu ver, \”não traz evidentes benefícios à nação cabo-verdiana\”.

Segundo ele, passados 36 anos sobre a conquista da independência, \”Cabo Verde precisa de políticas activas de emprego, num ano em que as eleições legislativas ditaram \”um novo Governo\” com a \”mesma matriz político-partidária do anterior\”, pelo que antevê fortes medidas de austeridade e dias extremamente difíceis para os Cabo-verdianos.

Por sua vez, Fernando Freire, líder do Grupo Parlamentar do Movimento para a Democracia (MpD, maior partido da oposição), defendeu que Cabo Verde e as suas instituições devem dar particular atenção ao tecido empresarial cabo-verdiano.

\”Não podemos permitir que fiquem alienados de todo o processo de construção do país. Não basta apenas que sobrevivam, é preciso que floresçam para que não dependam de um conjunto de teias de dependência dos poderes públicos e de excesso de intervenção do Estado\”, alertou.

Na sua última mensagem à nação cabo-verdiana enquanto chefe de Estado, por ocasião do 36.º aniversário da independência nacional, Pedro Pires considerou que, para que haja, nas circunstâncias actuais, crescimento económico e prosperidade é “melhor participar na criação de condições para a geração de mais e melhores empregos.

Acrescentou que não basta de exigir mais rendimentos sem produzir mais, o que é insustentável.

O Presidente cabo-verdiano considera que, para continuar o percurso traçado ao longo dos 36 anos de independência, todos são chamados a contribuir para aumentar a competitividade da economia cabo-verdiana.

A par do aumento da competitividade, Pedro Pires entende que é necessário a criação de um ambiente de negócios atractivo e seguro, infra-estruturas modernas e maior disciplina laboral.

Abordado por jornalistas à margem da sessão solene, o primeiro-ministro José Maria Neves, reagindo às críticas ao seu Governo feitas pelos partidos da oposição, salientou que este é o momento de agir, \”com muita lealdade\” em relação às regras do jogo democrático, aos órgãos de soberania e às escolhas que os cabo-verdianos fizeram nas urnas.

\”Estamos a iniciar uma legislatura e as pessoas começam a fazer discursos de campanha eleitoral, que não têm nada a ver com a realidade actual do país\”, disse José Maria Neves.

O PM sublinhou que é preciso respeitar os resultados eleitorais, deixar que o executivo governe e que todos assumam as suas responsabilidades.

Na opinião do chefe do Governo, o Presidente da República fez \”um grande e extraordinário discurso\”, com muitas advertências e sobretudo a \”mostrar a todos os partidos políticos que este não é o momento de se continuar a conspirar politicamente\”.

O primeiro-ministro considerou que o discurso de Pedro Pires mostrou aos partidos que este não é o momento para \”conspirações políticas\”.

Fonte: http://www.noticiaslusofonas.com/view.php?load=arcview&article=29254&catogory=Cabo%20Verde

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s